Papo Sério: 'Quero parar de usar drogas, mas é mais forte que eu'

No 'Papo Sério' de hoje vamos falar de um assunto bem chamativo e ao mesmo tempo preocupante, as drogas. O depoimento de hoje, é da nossa Leitora B.A. do Rio de Janeiro. Vamos ao depoimento?!
------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Olá Carriê, eu sou a B.A. de RJ, costumo ser uma pessoa um pouco agitada, mas com muita facilidade eu fico tensa, triste e até deprimida em lugares onde as coisas ocorrem tudo bem. Acho que sou assim desde quando era pequena. Mas tudo mudou quando conheci as drogas,  foi através de "amigos'. Algo que eu levo até hoje. No momento foi um impulso, mas até hoje levo comigo. 

Hoje escrevo isso, pois a minha vida está sendo uma grande depressão, nada me anima, nada me transforma.  Me sinto só, sem amigos e sem vida. Hoje sobrevivo em uma vida de quem usou e usa cocaína, perde o sono, e fica criando problema em meu próprio ambiente. 

Mas sei que isso tudo só é uma evolução do que vivi, desde criança. Na minha infância, me ensinaram a filtrar os pensamentos e minhas emoções e sei que tenho que dar a volta por cima e não lamentar, no momento acho que preciso reaprender a viver, largar o vício e voltar a ter a vida saudável, que apenas tive nos meus sonhos.

Tenho 16 anos de idade e lembro que quando era pequena, vivia num mundo de ilusões onde não existia amigos e as outras meninas me zuavam por eu não ser igual a elas. Me chamavam de estranha, falavam mal das minhas roupas e me chamavam de esquisita, me comparo ao filme da menina Órfã. Era daquele jeito que eu me sentia.

Hoje, aos 16 anos, fumo maconha todos os dias, meu pai só quer saber do trabalho dele e a maioria do tempo que ele passa de "folga" ele tem que viajar à negócios. Minha mãe, aquela perua, só quer saber de gastar o dinheiro do meu pai, vive viajando. Há dias não a vejo...

Agora acho que já passei da fase de achar que o baseado não faz mal, para mim o efeito já não é o mesmo, as vezes tenho vontade de experimentar algo mais... Ultimamente, estava dando um tempo de me drogar, foi ai que eu percebi o quanto eu era boba, por qual motivo fui cair nessa? Mesmo assim não estou sendo criativa e sem determinação para sair desta vida, talvez eu deveria ter compaixão de mim mesma. Por isso vim aqui te pedir ajuda, um conselho. O que posso fazer para sair dessa vida e esquecer de vez as drogas? 
------------------------------------------------------------------------------------------------------------
B.A, obrigada por escrever aqui para o blog, fico muito feliz por você ter depositado toda a sua confiança aqui. 

B.A. sua história de vida é muito incrível e fico muito feliz por você querer mudar toda essa sua situação atual. As drogas é algo muito difícil de ser largar, por se tornar um vício e com o passar do tempo a vontade é de experimentar mais coisas, como você mesma relata. Mas a força de vontade e o foco, nesta fase é seu principal aliado, para que você possa superar tudo isso e finalmente voltar a ter uma vida melhor e sem vícios. 

Como você tem apenas 16 anos, acredito que você ainda está no ensino médio. Meu conselho é  tenta se afastar ao máximo das pessoas que te induzem a usar as drogas. Voltar ao colégio também é uma boa opção para que você se distraia mais. Faças novos amigos. Como eu sempre falo para as meninas, ocupe o seu tempo com algo que você goste. Conheço meninas, que para largar o vício, montaram até uma banda. Que tal? Pode ser uma boa opção. Pense nisso! Mas o principal é que você tenha foco e fé, que com isso você vai conseguir superar tudo isso. 
------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Se você também passou ou passa por algo que te incomoda e quer desabafar, pedir conselhos. Escreve para gente pelo e-mail: mundodecarrie@gmail.com
Mas se você quer deixar um recadinho para a B. A., deixa aqui nos comentário, sua participação é muito importante e com certeza vai fazer toda a diferença, viu?!

Feliz aniversário Ed Sheeran!!!

Hoje o post é do mais que querido e maravilhoso cantor de todos os tempos, eu estou falando do ruivinho, Ed Sheeran. Sim, hoje, dia 17 de fevereiro, é o aniversário de Ed Sheeran. E eu, como uma das novas admiradoras do cantor, não podia deixar a data passar em branco.

Em homenagem ao seu aniversário, fiz esse post totalmente especial mostrando a trajetória do cantor. Quer acompanhar? Vem comigo!!
 Com apenas 23 anos, Ed já conquistou milhares de fãs em todos os países.
 Sheeran começou a gravar em 2005, quando lançou seu primeiro álbum, The Orange Room.
 Em 2008, Ed foi morar em Londres, onde fazia shows em barzinhos e lugares fechados. Ele não era popular, porém já mostrava muito talento por onde passava.
Em 2009, a carreira de Ed Sheeran o surpreendeu. Ele chegou a fazer 312 shows! Oh Yeah!!!

Em 2010, Ed entrou de vez para o patamar do sucesso. Lançou seu canal no Youtube, que foi um sucesso. Expandindo cada vez mais seu público. 
Em 2012, Ed teve a música "Give Me Love" com o maior número de visualizações do YouTube. Hoje o single já ultrapassa mais de 115 milhões de visualizações. E confesso, é uma das músicas que amo!
Já no ano passado, seu hit "The A Team" foi nomeado para Canção do ano no Grammy Awards 2013.
Já no finalzinho de 2013, Ed surpreendeu a todos com um de seus trabalhos mais recentes, a música "I See Fire", que faz parte da trilha sonora do filme O Hobbit: A Desolação de Smaug. Quanto amor!! Parabéns Ed! Você é o futuro da música britânica, acredito que quando eu estiver bem velhinha, você ainda estará fazendo muito sucesso!!
E para finalizar esse post, nada melhor que ouvir esta linda música, I See Fire.

Dica de filme: 'Hoje Eu Não Quero Voltar Sozinho'

Hoje tem dica de filme! O filme de hoje é um longa envolvente, amigo e apaixonante, eu estou falando de "Hoje Eu Não Quero Voltar Sozinho". O longa é um filme brasileiro, dirigido por Daniel Ribeiro.

O filme, que e baseado no curta de mesmo nome, conta a história de três amigos, Leonardo, personagem de Guilherme Lobo, Giovana, personagem de Tess Amorim, e Gabriel, personagem de Fábio Audi. Leonardo, na trama, é um jovem cego. A vida de Leonardo ganha um novo rumo, quando um aluno novo, Gabriel, entra na escola que ele estuda. Com a rotina do dia a dia, Gabriel passa a ajudar Léo. Com o passar dos dias, os dois amigos ficam cada vez mais unidos, surgindo então um amor entre os dois garotos. 

Com a intensidade da amizade, o filme promete ser mais envolvente, já que se trata da descoberta sexual de dois garotos. Com a nova descoberta, Léo que se tornar independente, pois antes ele dependia muito de sua mãe e Geovana.

O filme promete uma grande produção. Já no Youtube, o curta metragem, que baseia o longa do filme, já teve mais de 2 milhões de visualizações. Já no Brasil, o filme tem estreia prevista para o dia 28 de março.


------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Agora me diz?! O quê você achou da nossa dica de hoje? Eu amei o filme e com  toda certeza irei assistir a esse longa. E você?

Gifs engraçados sobre término de namoro

Todo término de namoro é aquela coisa, tristeza, solidão, medo, saudade e muitas vezes raiva. Nunca é fácil nos separar de alguém que a gente sempre amou e planejou uma vida inteira juntos. Dói, existe culpa e a incerteza de quem falhou ou por qual motivo o amor acabou. Sem contar nas coisas que sempre vão nos cercar. É uma música, que lembra a pessoa, é um objeto, uma carta e ainda tem aquela famosa questão da hora. Lembra que quando vemos algo parecido com 22:22, significa que alguém está pensando na gente?!(Pois é, acabou de acontecer aqui. Olhei para o relógio e está marcando 22:22, <3. Será que ele está pensando em mim? Será que ele pensa em voltar?). 

Mas para deixa a tristeza de lado e superar, pelo menos um pouco, a tristeza que o término provocou, separei uns gifs para você dar algumas risadas. Afinal de contas, terminar com alguém nunca foi o fim do mundo, a gente sofre, sente falta, mas supera, mesmo que demore um pouco. Mas é importante lembrar, que nessa história, quem perdeu não foi você e sim esse ~idiota~ que insiste em te deixar. Desculpa meu caro, quem perdeu foi você!
1- Quando ele diz que sou chata e que não aguenta mais o namoro.

2- Quando digo que quero terminar e ele me chama de doida.

3- Quando ele diz que eu não o amo mais.

 4- Quando sai a difícil decisão de terminar.

5- Quando vou contar pra minha amiga o que aconteceu.

6- Quando vejo que já se passaram de dois dias e a gente não se falou.


 7- Quando eu me dou conta, que fiz a burrada de excluir do Facebook.

 8- Quando vejo que tudo passou e já estou com um novo amor.
 A vida tem dessas coisas, começo, término e recomeço. Mas seguimos em frente, firme e forte, mas e você? Me diz, o que achou? Aposto que você já passou por isso! Me conta, viu?!

Papo Sério - Me sentia só

No Papo Sério de hoje, venho trazendo uma história diferente da que venho contando aqui no blog, desta vez será uma história de superação. O depoimento da vez, será da Carol. Ele tem 20 anos e veio contar como superou a exclusão e o bullying. Vamos ao depoimento?

"Oi, me chamo Carolina e tenho 20 anos. Estou aqui para tentar contar um pouco da minha história e deixar uma mensagem de esperança para os jovens que leem esse blog e que podem estar passando por algum momento difícil.

Não faço e nunca fiz parte do padrão de beleza imposto pela sociedade,sou magra demais e negra,tenho cabelos crespos e ressecados...sou cheia de espinha no rosto e sou super tímida e na época da escola,não fazia parte do grupo dos populares e até hoje cultivei apenas uma amizade,nunca namorei sério e muito menos tive vários namoradinhos fofinhos quando adolescente,sempre fiz parte da garotada excluída e que ninguém sente falta. 

Sofri bullying durante quase toda a minha vida escolar,tive poucos amigos,ficava sozinha no intervalo,era tímida demais para chegar para meus familiares e contar...e isso não acontecia apenas na escola,mas na rua da minha casa também. Sempre sofri muito com a exclusão,porque eu me sentia assim -EXCLUÍDA,eu não demonstrava pra ninguém,guardava tudo para mim e a única coisa que eu conseguia fazer era me lamentar por dentro,sabe? Ficar guardando todo aquele rancor comigo era uma forma deu me defender dos perigos e das pessoas que poderiam chegar até mim e me ferir. O problema maior enfrentei quando a escola acabou,porque aquilo era meio que um porto seguro para mim eu sabia que ia encontrar a minha amiga que íamos rir,que íamos passar boa parte do dia juntas,mas quando acabou minha vida ficou toda sem sentido...sofri demais,me senti mais sozinha do que antes,era como se eu vivesse em um mundo de nada,então foi que me aprofundei nessa solidão.

Tive mais alguns problemas familiares naquele ano e tive que tentar superar sozinha,até que no final de 2012 eu conheci uma pessoa que pode me ajudar muito e que foi muito importante para mim em todos os aspectos,também em 2013 criei o meu blog,pelo qual estimo muito,porque ele me faz me sentir mais especial e importante do que eu imaginava ser para alguém,não sei se estou totalmente curada das feridas que tive,mas sei que agora não me importo mais com o que os outros dizem,nem se sou parte de um grande grupo de pessoas do colégio e se eu to ou não agradando,eu só sei que a cada dia que passa eu supero mais um pouco de mim mesma.

Eu continuo sozinha,continuo sem namorado,sem um milhão de amigos no Facebook,sem um milhão de amigos no Twitter,continuo não sendo parte do padrão de beleza imposto pela sociedade,sou simplesmente um ser humano errando e acertando,crescendo e aprendendo com os problemas que surgem em nossas vidas,sou simplesmente a Carolina dona do blog Vinte Anos e filha,irmã,tia,pessoa".

Depois desse depoimento não precisa falar nada, né?! A Carol também deixou uma mensagem, para as pessoas que estão passando pelo o que ela passou.

"Viva a cada momento como se fosse único,não deixe que as coisas ruins se tornem mais valiosas do que as boas,pense que você é especial para alguém,sabe? Você está aqui nesse mundo para algum propósito,você não nasceria em vão,não deixe que as pessoas que lhe desejam o mal,Vença! De o gosto para todo mundo e diga eu Venci! Todos nós temos problemas,eu,você,sua mãe,seu pai,seu vizinho,seu primo...qualquer um o que diferencia é o modo pelo qual cada um enfrenta!
VOCÊ QUE ESTÁ LENDO ESSE TEXTO,NÃO SE SINTA TRISTE,NÃO SE SINTA NÃO AMADO,EU ESTOU AQUI PARA TE AJUDAR...ESTOU AQUI E VOCÊ É ESPECIAL PARA MIM APENAS POR ESTAR LENDO ESSA MENSAGEM!"
------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Se você também passou ou passa por algo que te incomoda e quer desabafar, pedir conselhos. Escreve para gente pelo e-mail: mundodecarrie@gmail.com
Mas se você quer deixar um recadinho para a Carol, deixa aqui nos comentário, sua participação é muito e com certeza vai fazer toda a diferença, viu?!

Se inspire: decorando o ambiente com gaiolas

As gaiolas estão com tudo na decoração, no quarto, na sala ou em qualquer ambiente da casa, elas estão lá, lindas e belas, reinando na decoração. Sempre achei um adereço bem diferente, porém, a gaiola na decor, dá um toque à mais ao ambiente e deixando o local mais rústico. 

Com todo esse charme, que a gaiola proporciona ao ambiente, ainda é bem difícil de encontrar ela por ai. Confesso que já andei um bom bocado para achar um bem bonita, porém ainda não encontrei. As que achei eram bem carinhas. rsrs. Mas para você, que acha lindo esse objeto, eu separei umas inspirações bem legais, que podem te levar a ter mil ideias na hora de decorar. 
 

 



 Agora é aproveitar a ideia e soltar a imaginação, para deixar o quarto ou o home office muito mais elegante e principalmente do seu jeitinho. Agora me diz, tá aprovada a ideia?? Deixa aqui nos comentários, que eu quero muito saber!!

Dica de filme: 'Juventude Calada' ou 'Silent Youth'

A dica de filme de hoje é uma dica especial, se trata de um filme que me chamou bastante a atenção, "Juventude Calada". Confesso que acabei de assistir e gostei bastante. Esse é um dos filmes que eu estava de olho há algum tempo, eu já até fiz um post falando um pouco sobre ele, aqui no blog. 

Quem já leu alguma coisa sobre "Juventude Calada" ou "Silent Youth", sabe que se trata de um filme homossexual. A história é basicamente sobre dois jovens, que sabem que são diferente e tentam se conhecer melhor. Eu gosto muito desse gênero de filme, porém achei que o filme poderia ter sido mais explorado. 

No longa é possível ver dois jovens, que se gostam, mas ao mesmo tempo lutam contra si mesmo, contra suas vontades. Um dos personagens, Marlo, tenta seguir e entender o que acontece entre eles, só que o outro,Kirill, se mantem calado o tempo todo, como se lutasse com o seu próprio silêncio. Uma história de amor que é encantadora e ao mesmo tempo, reprimida, fechada entre si. Sendo um casal de homens, o filme mostra uma história de amor que pode ser vivida por qualquer pessoa, independente de ser casal de homens, mulheres ou homens e mulheres. E aviso logo, se você não gosta desse tipo de filme, não adianta nem ver, pois no meio da trama rola até beijo, viu?! Então vamos à sinopse?!

"Juventude Calada" ou "Silent Youth"

"O filme narra o encontro e a aproximação lenta de dois jovens em Berlim. Marlo, que diz estar visitando sua namorada. Ele vaga pelas ruas de Berlim, onde encontra Kirill. Ele começa a segui-lo, o que parece impressionar Kirill. Uma estranha relação começa a desenvolver-se entre os dois. Quanto mais Kirill se expõe, mais confuso Marlo fica. Eles flutuam um ao lado do outro, sem saber quem deve dar o próximo passo. “Juventude Calada” é um filme para desajustados, sonhadores e amantes. É a clássica história de amadurecimento, mas centra-se nos momentos em que as pessoas tendem a esquecer rapidamente."
Ah, depois desse post você ficou curioso para assistir esse filme? Você pode assistir aqui, mas é legendado, viu?! Esse filme é muito bom e espero que você goste. Tem alguma outra dica de filme, do mesmo gênero, então deixa aqui nos comentários, que eu vou adorar conhecer, viu?!

Popular Posts

Like us on Facebook

Formulário de contato